Urgente! Concurso Polícia Federal: MPF pede a suspensão das provas do dia 23

Índice do conteúdo

Atenção, candidatos do concurso público da Polícia Federal. O Ministério Público Federal entrou com uma ação para suspender as provas do certame, marcadas para o dia 23 de maio (domingo).

“A concessão da tutela de urgência de natureza antecipada, inaudita altera parte, com fulcro no art. 300, caput e §2º, do CPC, no sentido de determinar medida de suspensão da aplicação das provas do certame para o provimento de vagas em cargos da Policial Federal, prevista para ocorrer no dia 23 de maio de 2021,” diz o texto.

De acordo com o MPF, o Cebraspe está intimado a explicar os últimos acontecimentos envolvendo a aplicação das provas da PRF e as as medidas de seguranças sanitárias que estão sendo tomadas para realização das provas do concurso.

“Que a CEBRASPE seja intimada a explicitar quais foram as medidas de segurança sanitária adotadas por ocasião da primeira fase do concurso para provimento de vagas na Polícia Rodoviária Federal, bem como a justificar a efetividade de tais medidas frente a vasta documentação probatória, apresentadas nestes autos, de violação às medidas de distanciamento social, e de aglomeração de candidatos potencialmente infectados em um mesmo ambiente.”

A manifestação favorável ao Ministério Público Federal acontece logo após o advogado José Moura Neto entrar com uma ação popular movida por diversos candidatos solicitando a suspensão das provas do certame da PF.;

A ação protocolada pelo jurista contém diversos relatos, provas e denúncias de candidatos referentes à aplicação das provas da Polícia Rodoviária Federal.

No MPF, o procurador da República, Oscar Costa Filho, assinou o documento solicitando a suspensão, considerando dentre diversos fatores, por exemplo, “que a realização do concurso público para provimento de cargos na Polícia Rodoviária Federal provocou aglomerações, registradas em imagens de vídeo e fotos.”

Veja a determinação do procurador:

Converter a Notícia de Fato nº: 1.15.000.002273/2020-62 em Procedimento Preparatório, tendo por objeto a apuração do fato abaixo especificado: OBJETO: “Apuração da legalidade de realização das provas de concurso público para provimento de cargos na Polícia Rodoviária Federal e Polícia Federal, em período de pandemia.

MPF disse que recebeu diversas irregularidades

O Ministério Público Federal confirmou que recebeu diversas irregularidades no concurso público da PRF, que teve provas no dia 09 de maio. A ação de suspensão do concurso da PF, possivelmente, está em conjunto com a ação popular ajuizada pelo advogado José Moura Neto.

O advogado prevê que a Defensoria Pública da União (DPU) se pronuncie de forma parecida como fez o MPF. Segundo Moura, a posição da DPU saia até, no máximo, a quarta-feira, 19.

A Polícia Federal e o Cebraspe ainda não se pronunciaram sobre o tema.

PF divulgou cronograma

Nesta sexta-feira, 14 de maio, a Polícia Federal divulgo no Diário Oficial da União informações referente ao novo cronograma do concurso público (Concurso PF 2021). De acordo com o documento, as provas objetivas e discursivas estão confirmadas para o dia 23 de maio.

Está confirmado que os locais de provas do concurso da PF serão divulgados a partir do dia 18 de maio via site do Cebraspe . Os exames, exceto para o cargo de delegado de polícia Federal, terão duração de quatro horas e meia e serão aplicadas a partir das 14h.

No caso de delegado, a prova objetiva será aplicada na parte da manhã (8h), com duração de 3 horas e meia. O exame discursivo terá a duração de cinco horas e será aplicado no período da tarde, a partir das 15h.

Confira abaixo as principais datas do concurso PF:

  • Aplicação das provas objetiva e discursivas – 23/05/2021;
  • Divulgação dos gabaritos preliminares da prova objetiva e do padrão preliminar de respostas das discursivas – 25/05/2021, a partir das 19h;
  • Prazo para recursos – 26 e 27/05/2021;
  • Resultado final da prova objetiva e provisório da discursiva – 11/06/2021;
  • Resultado final das provas discursivas e convocação para o Teste de Aptidão Física (TAF) – 29/06/2021;
  • Aplicação do TAF – 3 e 4/07/2021;
  • Resultado final do TAF e convocação para o preenchimento da FIC e para a avaliação médica – 23/07/2021;
  • Realização da avaliação médica (presencial) – 7 e 8/8/2021;
  • Aplicação da prova oral (delegado) – 23 e 24/10/2021;
  • Aplicação da prova prática de digitação (escrivão) – 24/10/2021;
  • Resultado final da primeira etapa do concurso e convocação para a matrícula no curso de formação – 21/12/2021.

As vagas do concurso da Polícia Federal 2021 são destinadas aos cargos de Agente de Polícia (893), Escrivão de Polícia (400), Papiloscopista (84) e Delegado (123). A jornada de trabalho será de até 40 horas semanais.

A primeira etapa do concurso público destina-se à admissão à matrícula no Curso de Formação Profissional e abrangerá as seguintes fases, de responsabilidade do Cebraspe:

  • a) prova objetiva, para todos os cargos, de caráter eliminatório e classificatório;
  • b) prova discursiva, para todos os cargos, de caráter eliminatório e classificatório;
  • c) exame de aptidão física, para todos os cargos, de caráter eliminatório;
  • d) avaliação médica, para todos os cargos, de caráter eliminatório;
  • e) prova oral, somente para o cargo de Delegado de Polícia Federal, de caráter eliminatório e classificatório;
  • f) prova prática de digitação, somente para o cargo de Escrivão de Polícia Federal, de caráter eliminatório;
  • g) avaliação de títulos, somente para o cargo de Delegado de Polícia Federal, de caráter classificatório; e
  • h) primeiro momento da avaliação psicológica, para todos os cargos, sem caráter eliminatório.

A segunda etapa do concurso público consistirá de curso de formação profissional, de caráter eliminatório, de responsabilidade da Academia Nacional de Polícia, a ser realizado no Distrito Federal, podendo ser desenvolvidas atividades, a critério da Administração, em qualquer unidade da Federação.

Durante a execução da segunda etapa do concurso público, Curso de Formação Profissional, será realizado o segundo momento da avaliação psicológica, de caráter eliminatório, de responsabilidade do Cebraspe, que atuará sob supervisão da Polícia Federal.

Prova objetiva do Agente:

Bloco I, com 60 questões: Língua Portuguesa, Noções de Direito Administrativo, Noções de Direito Constitucional, Noções de Direito Penal e de Direito Processual Penal, Legislação Especial, Estatística e Raciocínio Lógico.

Bloco II, com 36 questões: Informática

Bloco III, com 24 questões: Contabilidade Geral

Prova objetiva do Escrivão:

Bloco I, com 60 questões: Língua Portuguesa, Noções de Direito Administrativo, Noções de Direito Constitucional, Noções de Direito Penal e de Direito Processual Penal, Legislação Especial, Estatística e Raciocínio Lógico.

Bloco II, com 36 questões: Informática

Bloco III, com 24 questões: Contabilidade Geral e Arquivologia

Prova objetiva do Papiloscopista:

Bloco I, com 60 questões: Língua Portuguesa, Noções de Direito Administrativo, Noções de Direito Constitucional, Noções de Direito Penal e de Direito Processual Penal, Legislação Especial, Estatística e Raciocínio Lógico.

Bloco II, com 36 questões: Informática.

Bloco III, com 24 questões: Biologia, Física e Química.

Fonte: Notícias Concursos em 15/05/2021

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

Conteúdo Recente

Mapa do Site

Destaques

Você também pode gostar

Scroll Up