PESQUISA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA

Atividades De Pesquisa Na Faculdade Processus

       Pesquisa científica é definida por Menezes (1993:39) como o estudo minucioso e sistemático, com a finalidade de descobrir ou detectar fatos ou princípios relativos às diversas áreas do conhecimento humano. Os resultados
de uma pesquisa científica são divulgados em forma de publicação, que pode ser um livro, um artigo de periódico, uma comunicação em congresso, uma dissertação, tese ou outro suporte físico. Por intermédio das atividades de ensino, pesquisa e extensão, as universidades se voltam para a criação, a produção de conhecimento, e a busca do saber. De uma forma simplificada, a pesquisa científica é a busca sistematizada de novos conhecimentos.

Como isto se realiza?

      A Faculdade Processus, por meio de grupos de pesquisas coordenados pelos seus docentes com a participação de alunos executam os projetos de pesquisa em torno de uma problemática que permite reflexões,
situando-as no contexto da sociedade visando a descoberta, a criação e reprodução de conhecimentos.

      Por meio da pesquisa o professor constrói uma maneira alternativa de observar, fazer suas indagações, experimentações, conduzindo o ensino para um conhecimento prático. Esta pesquisa não é voltada apenas para
fins didáticos, sem abordar uma problemática nova, que apenas ajuda os estudantes a conhecerem técnicas e metodologias, mas sim, para participar de uma investigação e que por meio dela o aluno possa tomar a consciência da fragilidade do conhecimento e que possa perceber incertezas e conflitos teóricos dentro prática pedagógica. Assim, a Faculdade cumpre o papel de formar a cidadania. Cabe-lhe, e talvez seja essa a sua principal função, desenvolver a inquietude do ser social, que é uma formadora de cidadãos mais conscientes e críticos, pois se aprofunda no desenvolvimento cultural e intelectual.

(MARCOVITCH, 1998, p.23

Área De Concentração Da Pesquisa

      Políticas Públicas, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social

 

Linhas De Pesquisa E Seus Projetos

1) A Mudança climática e os direitos fundamentais Uma avaliação crítica da Conferencia da ONU Rio+20.

2) A Mudança Climática e os Direitos Fundamentais. Análise do  arcabouço institucional da União para formular e implementar Políticas Publicas de mudança climática a partir da aprovação pelo Congresso Brasileiro da Lei de Mudança Climática (dezembro de 2009).

3) Teorias da Justiça. Análise da obra de Michael Sandel.

4) Garantia dos direitos fundamentais nas relações de trabalho.

5)Teoria do conflito na teoria da subjetividade como caminho para mediação.

6) O projeto V-Dem da democracia realmente existe no mundo.

7) Políticas públicas no contexto de crise do Estado: compreendendo arranjos e lógicas institucionais.

8) Jurisdição constitucional e os desafios para a cidadania.

9) Direitos dos Animais: Os animais sob a perspectiva do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios  & TJDFT, no século XXI.

10) Direito à Saúde e Direitos Humanos dos Pacientes: Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA): apoio, pesquisa e divulgação .

11) Direitos Humanos e refugiados no Brasil.

12) Cidadania e pobreza .

13) Direito à propriedade como direito natural, em John Locke, e o déficit habitacional no Distrito Federal.

1) Inovação do processo de Incubação e políticas públicas

2) Avaliação de políticas públicas de incentivo à inovação no setor de tecnologias da informação e comunicação 

1)Incubadoras de empreendimentos econômicos e solidários

2)Ações de empreendedorismo social nas organizações e suas relações com política pública

1)Ofertas e práticas dos serviços nas organizações públicas, privadas e do terceiro setor

2)Competências nas organizações do terceiro setor e serviços prestados à sociedade

3)As representações sociais dos brasileiros frente as políticas públicas      

ATIVIDADES DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA

      A iniciação científica é uma experiência que normalmente ocorre durante a graduação, permitindo que os estudantes passem por um processo de aprendizado focado para uma linha científica da sua área, com metodologias e construção de soluções ou respostas para uma questão.

      Na Faculdade Processus, o incentivo à iniciação científica surgiu como a possibilidade de interação da teoria com a prática. Tem como objetivo, dentre outros, despertar vocação científica e incentivar novos talentos potenciais entre os estudantes da  graduação, mediante sua participação em projetos de pesquisa, preparando-os para o ingresso na pós-graduação; conduzir à sistematização e institucionalização da pesquisa, incentivando a formulação de uma   política de pesquisa para iniciação científica na graduação, possibilitando uma maior integração entre   graduação e pós-graduação, através da qualificação de melhores alunos para os programas de pós-graduação

Áreas De Concentração Da Iniciação Científica

  • Estado, Políticas Públicas e Cidadania
  • Mercado Financeiro
  • Finanças Públicas

Linhas De Pesquisa E Seus Projetos

1) Gestão de Processo  Mudança  nas Organizações .

1)Parceria com organizações sociais.

2) Controle social e a efetividade das políticas públicas .

3)Organização do trabalho como fator de  sustentabilidade organizacional: uma retrospectiva e uma tendência

1) Estuda estrutura, instituições e agentes dos mercados financeiros; em instrumentos financeiros; na gestão de risco; em microeconomia do sistema financeiro; na teoria de carteiras; em gestão de investimentos; e na modelagem econometria das operações.

1)Controle e avaliação das finanças públicas na esferas: federal, estadual e municipal.

 

1)Estuda a geração de informações sobre as ações de uma entidade para o processo decisório do usuário interno

 

1) Estuda a influência da contabilidade para o desenvolvimento de sociedade.

Obs.: Inclui áreas de pesquisa como Balanço Social, Educação Contábil, Terceiro Setor, Contabilidade Ambiental, entre outros.

Obs.: Inclui áreas de pesquisa como Balanço Social, Educação Contábil, Terceiro Setor, Contabilidade Ambiental, entre outros.

css.php